Famurs oferta cursos à distância para orientar ações dos municípios

A Famurs, através da Escola de Gestão Pública, tem promovido cursos à distância com o propósito de suprir as necessidades vivenciadas pelos gestores municipais neste período de pandemia. E para tratar de um dos temas mais relevantes do momento, prefeitos, secretários e servidores municipais participaram nos últimos dias da Semana da Educação.

O curso, que contemplou não apenas a área pedagógica, também abordou questões jurídicas e contábeis para a prestação de contas das secretárias municipais. De acordo com a direção da Escola, 60 municípios gaúchos participaram da capacitação que contou com a participação do conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RS) e presidente do Comitê Técnico de Educação do Instituto Rui Barbosa (CTE-IRB), Cezar Miola; e do ex-ministro de Educação e atual diretor do Centro de Desenvolvimento de Gestão Pública e Políticas Educacionais (FGV DGPE), Henrique Paim.

Conforme a coordenadora de Educação da Famurs, Juçara Dutra, a motivação principal para realização do curso foi o cenário da pandemia, em que os municípios precisam dar respostas à comunidade pela falta de oferta de aulas presenciais e da aplicação de recursos que são vinculados à educação. “O atual cenário obriga os municípios a pensarem o retorno das aulas com outro componentes, entre eles o transporte escolar e o cumprimento dos investimentos em educação. Para isso o curso está orientando os gestores sobre a melhores formas de fazer essa travessia, que é uma novidade para todos nós”, esclareceu.

Desta forma, a Escola de Gestão Pública organizou quatro dias de curso com conteúdos pedagógicos, administrativos e legais para dar suporte as ações dos municípios.

Segundo Juçara, a ideia é que sejam ofertados novos cursos à distância, com base na ideia de assegurar o direito à educação. “Essa orientação é muito importante para que este período possa integrar, de forma positiva, o processo da educação e preparar os municípios ao retorno da normalidade”, afirmou.

 

Modernização da Escola

Com a impossibilidade de realizar aulas presenciais, a Famurs também precisou se adaptar as novas tecnologias. Uma das bandeiras da gestão presidida pelo prefeito de Taquari, Maneco Hassen, é a modernização da Escola de Gestão Pública, não apenas no espaço físico, mas também digital.

Segundo o coordenador da Escola, João Motta, esta é uma necessidade que a pandemia impôs e que atinge também a gestão pública, sendo necessária a otimização das novas tecnologias, como por exemplo a oferta de cursos também à distância (EAD).

A ideia é trazer também a temática da tecnologia para dentro das salas de aula a partir da oferta de cursos sobre compliance e proteção de dados. Outro objetivo da nova gestão é ampliar a interlocução com outras instituições, como universidades públicas e privadas e Escola do MP, para qualificar ainda mais a atuação da instituição.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!