Famurs e Sedac entregam cestas básicas para artistas circenses e trabalhadores do Carnaval

O pacto firmado pela Famurs com a Secretaria Estadual da Cultura está garantindo cestas básicas para trabalhadores da Cultura de diversas cidades do Rio Grande do Sul. Com atividades paralisadas desde o início da pandemia do Coronavírus, e sem previsão de retomada das atividades, o setor tem sofrido bastante. Durante os meses de maio, junho e julho, foram atendidos artistas circenses nos municípios de Porto Alegre, Novo Hamburgo, Canoas, Rolante, Taquari, Triunfo, Teutônia, Camaquã, São José do Inhacorá, Uruguaiana, Santa Maria, Torres, Osório, Cidreira, Bagé, Jaguarão e Rio Grande. Além das cestas básicas, foram doadas fraldas para os circos com crianças pequenas.

Também foram entregues cestas para os artesãos que residem nos 15 barracões de alegorias e fantasias de escolas de samba do Complexo Cultural do Porto Seco, em Porto Alegre.  Angariadas pela Sedac a partir de doações da Defesa Civil e da campanha “Ventos da Solidariedade”, as cestas básicas chegaram aos municípios pela ação da área técnica da Cultura da Famurs, que coordenou a logística com as prefeituras para atender aos artistas. Além destes mantimentos para artistas circenses e artesãos do Carnaval, a Sedac segue atendendo artistas e trabalhadores de outros segmentos culturais.

CAMPANHA “VENTOS DE SOLIDARIEDADE NA TRAVESSA DOS CATAVENTOS”
A campanha da Sedac para buscar donativos aos trabalhadores da Cultura continua, com ponto de coleta na Casa de Cultura Mário Quintana. A Famurs seguirá prestando apoio logístico para entrega das cestas.
PONTO DE COLETA: Casa de Cultura Mario Quintana | Rua dos Andradas, 736, Centro de Porto Alegre
HORÁRIO: 11h às 16h – inclusive aos finais de semana
DOAÇÕES: alimentos não perecíveis, produtos de higiene e limpeza e fraldas de todos os tamanhos
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!