Encontro para debater posicionamento da mulher na política reúne mais de 130 pessoas na Expointer

A Famurs realizou na manhã de quarta-feira (29/8), na 42ª Expointer, um encontro que tratou do posicionamento da mulher na política. Durante a roda de conversa “Mulher e Política. Qual o seu posicionamento?”, foram debatidos a construção do protagonismo da mulher, os desafios para inserção feminina no cenário eleitoral e partidário e o empoderamento na gestão pública. O encontro reuniu mais de 100 pessoas no Auditório da Ocergs.

Na abertura, Daniela Meller, primeira dama da Famurs e de Palmeira das Missões, salientou a importância de a entidade abraçar a causa da mulher no municipalismo. “Não precisa ser mulher para reconhecer que a política não nos faz plural como deveria ser. Hoje somos somente 10% de representantes femininas na política.”

Para ela, “a Famurs é a casa dos municípios e entende que temos que enfrentar esse problema de frente, através de muito diálogo e conscientização para diminuir essa desigualdade que nos assola”.

Convida para participar da roda de conversa, a prefeita de Novo Hamburgo, Fátima Daudt, representou o Movimento Mulher Municipalista (MMM). Ela falou sobre como está a representatividade da mulher no país, chamando a atenção para o fato de que na região do Vale do Sinos, composta por 12 municípios, acontece algo diferente da realidade do Brasil e da América Latina: são cinco prefeitas.

Quem também participou do encontro, e falar especialmente para os homens, foi o deputado estadual e ex-presidente da Assembleia Legislativa do RS, Edegar Pretto. Em 2019 foi criada a Frente Parlamentar dos Homens pelo Fim da Violência Contra as Mulheres no RS. Em sua fala para o auditório lotado, o deputado declarou que “O homem escolhe um papel cômodo de não participar e não escutar para não precisar agir. Se existe violência contra a mulher, ela é praticada pelos homens. Se o mandato parlamentar é coletivo, deve ser utilizado para propiciar a igualdade entre homens e mulheres”. Assim como a Assembleia Legislativa, a Famurs também é parceira do Movimento Mundial “He For She” #ElesporElas.

Presente na roda de conversa, a vice-presidente da Famurs e prefeita de Cristal, Fábia Richter, explanou sobre as dificuldades de estar à frente da administração pública. Em sua opinião, “O papel da Famurs é deixar estruturada para essa e outras gestões formas de garantir uma maior participação da mulher no municipalismo. Nós precisamos ocupar espaços de poder para inovar, para ter atitude. Devemos criar uma grande rede para construir algo forte no Rio Grande do Sul, com continuidade e legitimidade, composta por diferentes partidos e segmentos”.

A pedagoga Joanna Burigo, escritora, especialista em gênero e atuante em projetos feministas também foi uma das convidadas para participar do encontro “Mulher e Política. Qual o seu posicionamento?”. Para ela, “Todas as diferenças socialmente construídas para homens e mulheres levam a uma diferenciação de poder. Na biologia não existe uma divisão rígida entre macho e fêmea. Esta percepção de diferença é cultural, assim como não existem diferenças cognitivas entre brancos e negros, orientais e ocidentais, por exemplo. As mulheres nunca estiverem dispostas a participar da política ou não são competentes para isso. Esse conceito também é uma construção cultural”.

A última convidada a subir no palco foi Miguelina Vecchio, socióloga, vice-presidente nacional do PDT, presidente da Ação da Mulher Trabalhista (amt) e coordenadora do Fórum Nacional das Mulheres Presidentes dos Partidos Políticos. Miguelina é considerada voz importante sobre o empoderamento feminino na gestão pública e o protagonismo da mulher na política. “As mulheres vão ter que se descontruir, para romper com a cultura que está aí. A cultura de um povo muda e temos que reconhecer essa mudança para termos oportunidades. Precisamos ajudar e atuar para construir uma política pública para as mulheres dentro dos nossos municípios”.

Antes do enceramento das atividades, a deputada estadual Kelly Moraes fez um breve relato sobre sua trajetória política como vereadora, prefeita e deputada federal e estadual. Outras participantes aproveitaram o momento de fala para explanar suas ideias e opiniões acerca do tema. No fim, as participantes da roda de conversa foram convidadas para um brunch servido na Casa Famurs.

 

Casa Famurs na 42ª Expointer

A Casa da Famurs fica localizada em frente ao Pavilhão Nacional, na quadra 12. A 42ª Expointer acontece de 24 de agosto a 1º setembro, no Parque de Exposições Assis Brasil (BR-116, Km 21 – Novo Esteio, Esteio/RS).

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!